RSS

Ferramentas ‹ Diegovaladares’s Blog — WordPress

Ferramentas ‹ Diegovaladares’s Blog — WordPress.

 
Deixe um comentário

Publicado por em março 21, 2011 em Introdutório

 

Afinal, o que é depressão?

A depressão pode se manifestar em qualquer pessoa, a qualquer hora e em qualquer idade. Frequentemente interfere no dia a dia causando dor e sofrimento não somente para quem tem o problema, mas também para aqueles que convivem com essa pessoa que sofre. 
 

Uma depressão grave em um membro da família pode causar sérios transtornos à vida familiar assim como à vida da pessoa doente. Muitas vezes a pessoa com depressão é tratada de forma preconceituosa pelos próprios familiares e no local de trabalho é tida como preguiçosa ou irresponsável em função de suas dificuldades.
A depressão é uma doença que envolve o físico, o humor, os pensamentos e o comportamento. Ela afeta a maneira como a pessoa se alimenta e como dorme, a maneira como se sente, o modo como pensa a respeito de si mesmo e a respeito da vida e altera radicalmente o seu comportamento no dia a dia.
Sofrer de depressão não é um sinal de fraqueza ou uma condição que possa ser afastada por um esforço de vontade: a pessoa com depressão não é capaz de reagir e se sentir melhor sem algum tipo de tratamento: os sintomas da depressão, se não forem tratados, podem durar semanas, meses, anos ou até o fim da vida!
A Depressão caracteriza-se por sensações extremas de abatimento, tristeza e vazio. 

Diferença depressão/tristeza

A diferença entre depressão e tristeza é que a tristeza é passageira, sendo consequência de um fator adverso da vida, mas a depressão perdura sem motivo aparente… 

Muito frequentemente, uma combinação de fatores genéticos, psicológicos e ambientais estão envolvidos na gênese de uma depressão. 
 

Pessoas que tem baixa auto-estima, que sempre vêem a si mesmas e o mundo com pessimismo ou que são facilmente sobrecarregadas pelo estresse, são propensas a apresentar depressão. Uma perda grave, doenças crônicas, deficiências nutricionais, distúrbios hormonais, dificuldades de relacionamento, problemas financeiros ou qualquer mudança indesejada nos padrões de vida também podem conduzir a um episódio depressivo. 
 

Os sintomas da depressão podem incluir falta de apetite e perda de peso ou, ao contrário, aumento de apetite com ganho de peso; insônia ou sono em excesso; mudanças nas atividades e comportamentos habituais; perda do interesse ou do prazer em atividades que eram prazerosas, inclusive sexual; cansaço excessivo, fadiga; perda de concentração, de atenção; irritabilidade ou raiva excessiva; queda acentuada no rendimento do trabalho e estudos; isolamento social; crises constantes de choro; visão pessimista do futuro, ruminação de eventos do passado; sensações injustificadas de inutilidade, desvalorização, auto-acusação, culpas em relação a si mesmo e idéias de suicídio ou morte. 
 

Apesar de haver muita coisa a ser feita para tratar a depressão, o passo mais importante é o primeiro: BUSCAR AJUDA PROFISSIONAL!


TRATAMENTO 

A escolha do tratamento da depressão irá depender da avaliação realizada por um profissional médico ou psicólogo.

Há uma grande variedade de medicamentos anti-depressivos e psicoterapias que podem ser utilizados para tratar dos transtornos depressivos. As pesquisas revelam que o melhor tratamento é aquele que inclui medicação para obter um relativamente rápido alívio dos sintomas e tratamento psicológico (psicoterapia) para aprender maneiras mais efetivas de saber lidar com os problemas da vida, pois nosso cérebro é influenciado pela nossa maneira de pensar.

A medicação por si só não é capaz de restaurar e manter o equilíbrio da química cerebral se não houverem mudanças na forma de pensar!


FATORES QUE COLABORAM PARA MELHORAR A DEPRESSÃO

Devemos considerar que nosso organismo é uma máquina e que, para o seu bom funcionamento, é preciso respeitá-lo e cooperar para que ele funcione de forma adequada! 

A boa alimentação é um complemento vital a qualquer tipo de tratamento para depressão ou quaisquer outros distúrbios: afinal, nós somos o que comemos!

Os neurotransmissores do cérebro responsáveis pelo bom funcionamento do nosso comportamento também são controlados pelos alimentos que comemos e os nutrientes contidos nos alimentos podem influenciar profundamente a bioquímica e a atividade cerebral. 

Especialistas em nutrição acreditam que uma dieta desequilibrada também pode gerar a depressão e que a nossa dieta ocidental, que enfatiza os fast-foods, os lanches rápidos e outros vícios alimentares, é a principal responsável.

A prática de exercícios também é um componente importante no tratamento contra a depressão. O exercício por si só propicia grandes melhoras no estado de espírito e no controle do stress. Estudos demonstram que a depressão diminui com o aumento de atividade física. Então, vá caminhar no parque, na beira da praia, dance, ande de bicicleta! 

E ria!

Nada melhor do que rir!

Leia ou assista a filmes de comédia.

Procure tornar seu dia agradável.

Mantenha o pensamento positivo.

Sorria mais.

 
Deixe um comentário

Publicado por em março 21, 2011 em Aprofundando

 

Tags: , , , ,

Ajuda Emocional

Como conseguir ajuda emocional online – Quem nunca passou por um problema ou teve dificuldades  para superar o término de um relacionamento, a perda de um emprego, problemas familiares, enfim, diversos obstáculos que muitas vezes nos pegam de surpresa deixando-nos arrasados sem vontade de fazer as coisas e continuar a vida? Pois é, isso é muito mais comum do que imaginamos, o que precisamos nessas horas é de um conselho, palavras de consolação para nos deixar mais animados e devolver a coragem para seguir adiante. Para levantar o astral, não há nada melhor que a ajuda emocional online, afinal nao conseguimos desabafar com facilidade – e online conseguimos soltar os “nossos monstros” e as nossas lágrimas. Muito mais fácil chorar e estrapolar num chat na internet do que para uma pessoa de carne e osso.

 
Deixe um comentário

Publicado por em março 21, 2011 em Introdutório

 

Tags: , , , , , , , ,

Internet como terapia!

internet é tão fantástica nos dias de hoje que com ela você pode resolver quase todos os seus problemas. Nunca se imaginava que você teria uma ajuda emocional através de um computador, mas agora essa é a realidade. Se você está passando por problemas emocionais ou está muito abalado por qualquer motivo, saiba que existe ajuda na internet. Saiba tambem que você nao é o unico, resolvi fazer esse blog como um desabafo para minhas experiencias e experiencias alheias, isto é , de amigos e conhecidos.

 
Deixe um comentário

Publicado por em março 24, 2009 em Introdutório

 

Um blog simples e objetivo, diferente de mim – complexo e complicado!

Bem vindo ao mundo Diego Macedo, Diego Valadares, ao universo do Roberto, onde o fim nao acaba…mas garanto que aqui vai aprender muito….

 
1 comentário

Publicado por em março 24, 2009 em Introdutório